sábado, 17 de julho de 2010

Eu não existo sem você

Eu não existo sem você

Eu sei e você sabe, já que a vida quis assim
Que nada nesse mundo levará você de mim
Eu sei e você sabe que a distância não existe
Que todo grande amor
Só é bem grande se for triste
Por isso, meu amor
Não tenha medo de sofrer
Que todos os caminhos
Me encaminham pra você

Assim como o oceano
Só é belo com luar
Assim como a canção
Só tem razão se se cantar
Assim como uma nuvem
Só acontece se chover
Assim como o poeta
Só é grande se sofrer
Assim como viver
Sem ter amor não é viver
Não há você sem mim
Eu não existo sem você


(Vinícius de Moraes )



Marcus Vinicius da Cruz de Mello Moraes, ou Vinicius de Moraes, (1913 - 1980) foi um diplomata, jornalista, poeta e compositor brasileiro.

3 comentários:

  1. é a cara desses meninos maravilhosos...
    poesia combina com vocês...
    parabéns!!!
    t.mazuca

    ResponderExcluir
  2. Olá rapazes. Obrigado pelo comentário, carinho etc. etc. no meu blog poesiaOrgãnica. um grande abraço

    ResponderExcluir
  3. Quando fizemos uma criança sorrir estamos por certo modificando alguns conceitos, isso vocês o fazem de forma, indubitavelmente, sensacional.Parabéns Sami e Bill.Quanto à poesia há nela sempre um sentido metafórico que nos induz à plenitude,ao sonho e, muitas vezes, ao concreto. Um abraço por fazer melhor o mundo das crianças e o nosso ...

    ResponderExcluir