domingo, 21 de novembro de 2010

Visita Sami e BiLL ao colégio Futuro-Penápolis



























Visitamos o colégio Futuro-Penápolis semana passada e
fizemos algumas apresentações para os alunos, fomos recebidos com muito carinho e belíssimos trabalhos realizados por eles
com nosso livros.
....foi incrível passar o dia com a criançada alegre e sorridente!!!


valeu crianças!!! ...obrigado professores e direção!!!

abraços apertados e
rabiscados de carinho Sami e BiLL

até a próxima!!!!!

link: Colégio Futuro Penápolis

terça-feira, 16 de novembro de 2010

... haver, chavê, vixe.


Fiu Fiu

Composição: Vanessa da Mata (Sereia de Água Doce)

Fui ver, achei que engordei alguns quilinhos.
Tentei a calça jeans que eu gostava da época da minha adolescência, ascendência, sei lá.
Saí, pensei: Sou carta fora do baralho ou essa calça jeans é de infância ou eu engravidei nos meus quadris, haver, chavê, vixe.
Eu passei por uma construção, várias sacolas na mão, um peso e um passo, um passo, um passo, um passo.
E ouvi um assovio que distraiu o peso, me mudou de lugar.
Cantada barata.
Reta sem palavra.
Passarinho bom.
Engenhosa técnica, poeminha e música.
Ele me ganhou

Mais que um hino de futebol, canarinho.
Clássico desafio de domingo
Literatura de cordel amarrada em meu vestido.
Ele me ganhou, canarinho.
Mais que um hino de futebol
Nunca mais eu ouvi. Que perigo.
A literatura de cordel tatuada em meu tornozelo
Ele me levou

Livre, mas não tão leve como no passado.
Não posso, mas adoro porcaria.
Adoraria ser que nem palito, mastro, cedro, poste.
Homens, nós não nos entendemos como antes.
Eles adoram Mulheres Airbag e nós emagrecemos pras amigas, inimigas, todas.
Eu passei por uma construção, várias sacolas na mão, um peso e um passo, um passo, um passo, um passo.
E ouvi um assovio que distraiu o peso, me mudou de lugar.
Cantada barata.
Reta sem palavra.
Passarinho bom.
Engenhosa técnica, poeminha e música.
Ele me ganhou

Mais que um hino de futebol, canarinho.
Clássico desafio de domingo
Literatura de cordel amarrada em meu vestido.
Ele me ganhou, canarinho.
Mais que um hino de futebol
Nunca mais eu ouvi. Que perigo.
A literatura de cordel tatuada em meu tornozelo
Ele me levou


Fui ver, achei que engordei alguns quilinhos.
Tentei a calça jeans que eu gostava da época da minha adolescência, ascendência, sei lá.

Saí, pensei: Sou carta fora do baralho ou essa calça jeans é de infância ou eu engravidei nos meus quadris, haver, chavê, vixe